Vivendo acima do mundo

Publicado: março 13, 2011 em Geral
Tags:

Contam a história de Hadley Page, pioneiro da aviaçăo. Certa vez ele pousou numa área deserta durante uma viagem. Sem que ele percebesse, um rato entrou no aviăo. Durante a próxima etapa da viagem ele ouviu o terrível som do animal roendo alguma peça do aviăo. Desconfiado que era um roedor ele começou a imaginar os danos que o animal poderia causar aos mecanismos frágeis que controlam um aviăo. Também ele estava longe de lugares onde poderia pousar e concertar alguma peça danificada.


O que é que ele poderia fazer? Ele lembrou que ouviu dizer que um rato năo sobrevive acima de certas altitudes. Aí ele puxou os controles do aviăo. O aviăo subiu e subiu até o próprio piloto teve dificuldade em respirar. Ele escutou atentamente e finalmente respirou aliviado. O som do roedor havia cessado. Quanto ele chegou ao destino ele achou o rato morto atrás do cabine do piloto.

Freqüentemente nós, filhos de Deus, somos atormentados pelo pecado que rói nossas vidas simplesmente porque estamos vivendo a uma altitude espiritual muito baixa. Para ver o pecado derrotado em nossas vidas temos que subir – longe do mundo – para um nível mais alto onde as coisas deste mundo năo conseguem sobreviver.

Durante épocas como Carnaval, năo dá para “brincar”. Temos que “subir”, quer seja para um retiro espiritual ou para encontros e estudos com irmăos. Se năo tivermos outra alternativa, o mínimo que podemos fazer é desligar a televisăo, evitar áreas onde há concentraçőes e focalizar nossas mentes na Palavra de Deus ou em livros edificantes. E vamos vigiar e orar (Mat 26:41).

Joăo 8:21; Rom 8:5-6; Col 3:1-2;

 

Envie Seu Comentário..

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s